Archive

Posts Tagged ‘Windows’

Não tem o Photoshop? Use o Paint.NET!

Quando se fala em edição de imagem, a primeira coisa que vem à cabeça das pessoas é “Photoshop”(bom, normalmente pirateado, ckackeado, whatever, quando é para uso doméstico). O problema do photoshop é que ele tem diversas limitações, que vão de preço a exigência de um hardware poderoso para rodá-lo. Mas dificilmente encontramos uma alternativa gratuita e de qualidade para Windows.

Uma ótima solução que encontrei para uso não-profissional foi o Paint.NET. Seria muita pretensão dizer que ele pode substituir o Photoshop, mas ainda assim ele é um editor de imagem extremamente leve, pequeno (o instalador tem pouco mais que 3MB) e conta com camadas, várias ferramentas e efeitos.

Paint.NET

Leia mais…

Review do Internet Explorer 9

Olá, pessoal! Umas das melhores notícias desse ano acerca da Microsoft pra mim foi o lançamento definitivo do tão esperado IE9. Eu baixei e estou usando-o desde o dia em que ele foi lançado. Agora que eu já usei o browser tempo o bastante, estou postando aqui um mini-review feito por mim.

O Internet Explorer, em todas as suas versões, sempre foi o browser mais utilizado pelos usuários de PCs, embora ele sempre tenha tido muito mais problemas com velocidade ou incompatibilidades que os concorrentes. Concorrentes esses que estão tomando uma fatia cada vez maior entre os browsers utilizados. Os principais deles, como a maioria já sabe, são o Mozilla Firefox e o Google Chrome.

A última versão do browser lançada antes do IE9 foi o Windows Internet Epxlorer 8, que corrigiu ou amenizou muitos problemas existentes no antecessor IE7 e que por alguns é considerado o mais seguro (desde que utilizado junto com o Windows Vista ou Seven). Mas em termos de performance, compatibilidade e funcionalidade, ele nem se compara aos seus principais concorrentes: Mozilla Firefox e Google Chrome. Naturalmente, o Internet Explorer vem perdendo cada vez mais clientela. Leia mais…

Por que as pessoas odeiam a Microsoft?

Olá! Faz muito tempo que não posto no blog, e resolvi fazer uma tradução de um texto muito interessante, do Windows Watch, que pode ser lido em inglês aqui.

O autor tenta descobrir o porquê de as pessoas odiarem a Microsoft, mas nao consegue (visto que os erros cometidos pela Microsoft também são cometidos por outras empresas de grande porte que as pessoas não têm nada contra – e muitas vezes aaté gostam das mesmas).

Ok… Enjoy!

Por que as pessoas odeiam a Microsoft?(Why do people hate Microsoft?)

As notícias recentes de que a Microsoft compraria a Yahoo! não soou bem, particularmente entre os membros do serviço de compartilhamento de imagens Flick, do Yahoo! – Incluindo Giles Bowkett, que postou a imagem mostrada aqui (sob licensa Creative Commons – clique na imagem para vê-la na sua página.

Essa reação não é particularmente surpreendente – houveram até protestantes quando o Flickr, originalmente desenvolvido por uma empresa canadense chamada Ludicorp, foi comprado pela Yahoo!. Mas agora é um pouco diferente: ao invés de uma grande empresa comprando um pequeno negócio, agora temos a Microsoft, uma grande empresa, comprando outra. Então, qual o problema?

Em parte, acredito que isso é simplesmente porque as pessoas odeiam a Microsoft. Mas por quê?

Para algumas pessoas – incluindo aí alguns comentaristas do Windows Watch -, a Microsoft representa tudo o que é mau e errado no mundo. Para alguns, isso pode ser um simples exemplo de anti-capitalismo – a Microsoft é uma grande companhia que faz muito dinheiro, então se você odeia a idéia de empresas fazendo dinheiro, ela é um alvo óbvio. Mas aí muitas pessoas que odeiam a Microsoft também amam a Apple – que é, claro, uma grande companhia que faz toneladas de dinheiro. E mais, é decerto que tem mais pessoas que odeiam a Microsoft por aí do que fanáticos por Linux que nunca bebem Coca-Cola. Tais pessoas devem estar perfeitamente felizes com outras grandes corporações – só não com a Microsoft.

Eu diria que razão para o descontentamento de tanta gente com a Microsoft é simples: eles gostam de ter algo para odiar, e uma imensa corporação é um dos melhores alvos. Também, descontar a sua raiva numa pessoa que mora ao lado pode ter conseqüências imprevisíveis e desagradáveis, mas criticar horrivelmente o Word 2007 já é mais “seguro”(pelomenos até que a Microsoft construa um sistema de reconhecimento de voz e construa um assistente do Office que aja de acordo com o que ele recebe). E mais, odiar a Microsoft é popular, e todo mundo adora pular numa oportunidade dessas.

Com isso em mente, eu tentei elaborar uma lista de genuínas razões percebíveis para odiar, ou ao menos desgostar, da Microsoft. São elas:

  1. Comportamento anti-competitivo, como mostrado pelo processo legal de longa data da União Européia.
  2. Alguns web browsers horríveis, que geralmente falhavam em renderizar quase tudo corretamente. Deveria notar-se porém que o IE7, embora não perfeito, é uma grande melhoria.
  3. Comportamento anti-competitivo, realçado pelo processo legal de longa data da UE
  4. Alguns web browsers muito ruins, que geralmente falhavam em renderizar quase tudo corretamente, mas que acabaram com o Netscape. Deveria notar-se que, embora não perfeito, o IE7 apresenta enormes melhorias.
  5. Vários furos na segurança, embora a maioria seja corrigida (se eles são ou não corrigidos a tempo é um argumento pra um outro dia.)
  6. DRM. A Microsoft faz, e algumas pessoas odeiam – mas, é claro, a Apple desenvolve e vende DRM também, então qualquer um que compre produtos da Apple não pode atacar isso.
  7. O Escritório Reno da Microsoft (pelomenos se você for um cidadão americano que paga impostos
  8. ActiveX em geral
  9. Embrace, Extend and Extinguish
  10. Aquele video de Steve Ballmer(clique aqui, se quiser)

E, é isso! Agora, muitos desses motivos são chatos, alguns desconcertantes, mas nenhum desses me pareceu significantemente pior do que o comportamento de outras empresas de tamanho similar. E, se no capitalismo ocorre o mercado livre (assumirei que a maioria aqui não concordará, mas provem-me o contrário, colegas), então uma companhia produzindo o melhor produto em seu campo, e então se tornando altamente rica, é certamente a conclusão lógica desse sistema, e não um tipo de aberração. E mais: não percebe-se que a Microsoft vive dando montes de dinheiro para ouros.

E, no mais, ainda não estou convencido. Continuarei a usar Windows XP e Word quase todo dia, embora sempre que possível procurarei outras alternativas, seja o iPod(se você optar por não comprar música com DRM, o Classic é um player fantástico), telefones Nokia com Symbian (melhor que Windows Mobile em todos os sentidos, em minha opinião) ou Firefox e Thunderbird. Mas, você pode me convencer: esqueci algo na lista? Se sim, digam nos comentários.

É isso! Assim que possível voltarei com um post de minha autoria. Basta eu arrumar um tempo e escolher um dos assuntos interessantes que tenho no meu “acervo”.

…Até mais!

Novo Windows 7: Incrivelmente Simples‏

novembro 4, 2009 Deixe um comentário

Windows Vista… Um incrível Sistema Operacional, lançado para uso doméstico em 2007. Deveria ter substituído facilmente o Windows XP, mas não foi bem assim.

A aceitação do Windows Vista não foi nada boa dos “usuários”(quer dizer, usuários que nunca usaram), principalmente no Brasil: a maioria das pessoas, talvez com aquele velho medo do desconhecido, que eu já citei antes, nunca usaram e, no entanto, lançam milhões de críticas – pesado (detesto essa palavra), travamentos, incompatibilidades, etc… A maioria dessas críticas tem até sua verdade, mas muitos desses problemas, o famoso Windows XP também teve no início, incluindo aí problemas com segurança e redes sem fio. Tais problemas foram corrigidos com o que a Microsoft chama de Service Pack (atualmente existem 3 Service Packs para o Windows XP), enquanto que problemas de compatibilidade foram corrigidos pelos fabricantes de software ao longo do tempo. Ok, todos felizes.

Vejamos agora a situação atual do Vista: com 1GB de memória RAM e vídeo onboard de qualquer placa mãe atual, roda perfeitamente(o Windows XP precisa de pelomenos 512MB para rodar perfeitamente, e 1GB para rodá-lo sem o mínimo de lentidão). Problemas de compatibilidade com software/hardware praticamente não existem mais. Falhas de segurança, e outras falhas foram também corrigidas nos Service Packs. Ainda assim, continuam os comentários como:

  • Precisa de pelomenos 4GB de memória para rodar (como assim, se sistemas de 32 bits só podem usar 3,5GB no máximo, e mesmo assim, o Vista jamais utilizaria tudo isso em condições normais!!??)
  • Precisa de no mínimo um processador Dual 2 Core Duo para rodar (nunca ouvi falar dessa CPU, e acho que nem a Intel também :/ )
  • Esse computador veio com o Vista, mas esse defeito a gente corrige! Ei, bota  o XP aí! (detalhe: pirata!!!)

Peraí, né, gente? Quando o Windows Vista foi lançado, era meio difícil de se ter um PC com 1GB de memória, mas hoje é a coisa mais fácil que existe! Ainda assim, rolam esses comentários do 4GB!!?? Outra, em muitos casos, o Windows Vista se sai melhor em um PC com 1GB ou mais de memória que o XP. Aliás, vou instalar uma cópia de avaliação do Vista num PC que eu tenho ali encostado, com 512MB pra ver como ele se comporta e algum dia digo a vocês como foi a experiência. Mas pelomenos no meu pc, o mesmo que eu estou utilizando para escrever o artigo, ele está rodando talvez até mais rápido que o Windows XP, e eu instalei sem reformatar o HD, fiz a atualização direta de XP pra Vista (in-place upgrade), coisa que a própria Microsoft afirma diminuir a performance, mas ainda assim, eu ainda estou achando a performance dele melhor que a do XP!

Algumas das muitas novidades: Segurança reforçada, mais formas de se fazer backup, maior integração com o sistema de arquivos, busca fácil de arquivos/programas, interface gráfica ainda mais bonita e funcional, ferramentas novas, etc…

Leia mais…

Categorias:RAGE, Tech Tags:, , , , , ,

No way!

outubro 29, 2009 1 comentário

É isso!

Não consigo imaginar o que deveria ser escrito no meu primeiro post do blog. Sugiro que comprem e instalem o Windows Vista enquanto eu decido o que está por vir!

Ainda veremos aqui assuntos que valerão a pena, então guardem suas raivas (raivas que tanto vocês sentirão com algum post, ou que descarregarão neles) e…

…Até!

Categorias:Uncategorized Tags:,
%d blogueiros gostam disto: